Untitled Document
Os cuidados que antecedem a oratória
 

Sempre que nos comunicamos, seja numa apresentação em público, numa abordagem de venda, nas negociações ou quando tentamos liderar, é necessário estarmos atentos a algumas orientações importantes. Analise para quem você vai falar; estude o perfil dos seus ouvintes. Por exemplo, os jovens são idealistas, gostam de novos projetos e de novos desafios; já os idosos são saudosistas, geralmente valorizam mais aquilo que já aconteceu, não existindo muito interesse por aquilo que vai acontecer. O idoso gosta mais de falar do que ouvir. Procure sempre que possível ouvir seu conselhos e experiências, eles têm muito a nos dizer. Defina ainda seus objetivos. O que você procura?

Deseja informar, persuadir ou promover-se? Caso queira apenas informar, faça como o professor em sala de aula. Invista em didática, tenha conteúdo e seja claro nas suas colocações. Agora, se tem como objetivo persuadir, mudar a opinião dos ouvintes, precisará investir em bons argumentos. Argumentos consistentes e, principalmente, deverá ser bastante sutil nas suas palavras. Procure encantar as pessoas com seu modo de falar, com seu entusiasmo e com seu conhecimento. Para ser capaz de seduzir seus ouvintes, deverá aprender a expor seus argumentos e jamais tentar impor aos outros a sua opinião, seus produtos ou seus serviços. Não gostamos de pessoas que ficam nos forçando a tomar decisões. Esta é a grande diferença entre influenciar e manipular. O grande líder nos ajudar a tomar decisões que precisamos tomar. Ele nos influencia positivamente. Já o manipulador inescrupuloso nos força a tomar decisões das quais nos arrependeremos no futuro.

Outro objetivo encontrado é a autopromoção. É o seu marketing pessoal. Se você busca melhorar seu relacionamento com as pessoas e ainda projetar a imagem de um profissional admirável, o primeiro passo é cuidar do seu visual. Lembre-se: nós somos extremamente visuais. As pessoas precisam parar para nos ver, para depois serem capazes de nos escutar. Costumo citar como exemplo os funcionários dos bancos. Eles sempre estão bem vestidos e nos transmitem confiabilidade. Você não deixaria o seu dinheiro nas mãos de um sujeito mal vestido e todo desleixado.

Outro conselho para melhorar o seu marketing pessoal é começar a ter uma opinião formada sobre os principais assuntos da atualidade. Jamais fique em cima do muro. Sempre tenha um lado definido. Seja lado A ou lado B. Evite ao máximo a neutralidade. Quem prefere o caminho da neutralidade, geralmente não ganha a admiração de ninguém. Sempre admiramos pessoas que têm opinião própria. Exponha a sua opinião, mas sem perder o seu encanto. Os grandes oradores são sedutores que sempre buscam formas diferentes de conquistar seus ouvintes. É importante também ter um bom vocabulário, possuir uma conduta pessoal exemplar e como “dica” final: tenha interesse verdadeiro pelas pessoas. Seja honesto e nunca se esqueça: Quando estiver no palco fale para brilhar. Quando não estiver no palco, escute com o coração.

Antes de uma apresentação, seja abordagem de venda, negociação, entrevista, exposição de um trabalho, produto ou serviço, precisamos analisar o nível de preparo das pessoas que vão nos ouvir; se elas são especialistas naquele assunto ou se desconhecem até mesmo o essencial. A quantidade de pessoas também poderá influenciar a sua apresentação. Imagina a cena: você se preparou para falar para dez pessoas e quando abre a porta da sala tem mais de 50. Isso o deixará nervoso. Ou o contrário: você se preparou para falar para 200 pessoas e chegando ao local tem apenas 20.

Você poderá ficar decepcionado. É muito importante também conhecer o local com antecedência, testar os equipamentos e ter um técnico para auxiliá-lo. Nunca aposte todas as suas fichas em apenas um recurso. Se vai utilizar o data show e o computador, lembre-se de que esses equipamentos podem dar algum problema técnico. Se isso acontecer, esteja sempre preparado. Tenha um pen drive, CD, ou DVD por perto que tenha a sua apresentação, indico ainda uma cópia na internet. Deixe os principais tópicos da sua exposição em pequenas fichas. Caso seja necessário utilizá-las, segure-as em suas mãos, assim como os apresentadores de TV fazem. Não coloque nas fichas tudo o que você vai falar. Você deverá colocar apenas frases curtas ou palavras-chave. A explicação deverá ser feita com suas próprias palavras. Ter um plano B é fundamental, pois lhe proporcionará tranquilidade e segurança.

Nos cuidados que antecedem a sua fala, estudamos a importância de conhecer os ouvintes, analisar seu nível de conhecimento, definir seus objetivos, saber a quantidade de pessoas que estarão presentes para ouvi-lo e, ainda, a necessidade de conhecer o local e testar com antecedência os equipamentos que irá utilizar. Esses cuidados vão ajudá-lo a conquistar os ouvintes e a alcançar os objetivos almejados. 

Gostou das dicas? Faça o curso completo com o prof. Romero Machado. Faça agora a sua inscrição. Clique aqui.

Palestras exclusivas, emocionantes e transformadoras, disponíveis para empresas, universidades e eventos em geral. Leve o Curso de Oratória in Company para sua empresa. Um treinamento moderno, prático e completo para líderes e colaboradores. Romero Machado realiza também o Curso Personal Coaching - Treinamento Particular de Oratória. Sob medida para você. Entre em contato. Clique aqui!

www.RomeroMachado.com.br 
Todos os direitos reservados.

 
 
Romero Machado Oratória Siga-me
 
 
 
Romero Machado© 2014 - Todos os direitos autorais reservados
 
Este site foi desenvolvido pela: Zigg Online